Ganho de peso na gravidez, cuidado!

Olá Mamães!

Muito cuidado com ganho excessivo de peso durante a gravidez, mulheres que ganham muito peso na gravidez apresentam o risco em se tornarem obesas após o parto, além de doenças na gravidez com eclampsia e Pré eclâmpsia e outras.

A maior parte do ganho de peso na gravidez ocorre no 2º e no 3º trimestre. No primeiro trimestre, o ganho de peso é mínimo, variando entre 0,5 a 2,0 kg. Não só não há nenhuma necessidade de engordar nesta fase, como é difícil fazê-lo pois há  na gravidez já que é nas primeiras semanas de gravidez a gestante costuma ter enjoos e vômitos frequentemente  A partir do segundo trimestre de gravidez, o ganho de peso acelera-se, devendo ficar em torno de 0,5 kg por semana.

O termo “comer por dois” durante a gravidez é um mito que não deve ser seguido. Basta um aumento de 200 a 300 kcal por dia na dieta para que a gestante consiga atingir a meta de 0,5 kg por semana. A gestante deve comer pequenas porções, várias vezes por dia. Não é indicado um jejum maior que 4 horas durante o período que a gestante esteja acordada.

Mulheres previamente obesas não devem tentar fazer dietas muito restritivas durante a gravidez. Se você não emagreceu antes, não será agora, grávida, que deverá fazê-lo. O aconselhável é ter uma dieta saudável, evitando apenas os exageros nas calorias, açúcares e frituras. O objetivo da gestante com sobrepeso não é emagrecer, mas sim manter o seu ganho de peso gestacional dentro da faixa indicada.

CONSEQUÊNCIAS DO GANHO DE PESO GESTACIONAL EXCESSIVO OU INSUFICIENTE

A diretrizes sobre o ganho de peso gestacional de 2009 foram estabelecidas após a avaliação de 150 estudos científicos publicados entre os anos de 1990 e 2007.

Entre as evidências encontradas nessa revisão podemos destacar os seguintes fatos:

– Quanto maior é o ganho de peso gestacional, maior é o risco da gestante precisar se submeter a um parto cesária

-Mulheres com aumento do peso gestacional inferior ao desejado apresentam maior risco de terem bebês pequenos, com baixo peso ao nascimento e um maior risco de terem partos prematuros. Por outro lado, mulheres com aumento de peso gestacional acima do desejado apresentam maior risco de terem bebês grandes e com elevado peso ao nascimento, fenômeno chamado de macrossomia (bebês que nascem com mais de 4 kg).

– Em média, para cada quilo de ganho de peso gestacional, o peso do bebê aumenta seu peso entre 16,7 e 22,6 gramas.

– Mulheres que ganham peso excessivamente durante a gravidez têm maior risco de não conseguirem voltar para o seu peso original após o parto. Mulheres já previamente com sobrepeso e que ganham peso excessivamente na gravidez têm um maior risco de tornarem-se obesas ou agravarem a sua obesidade já existente. 40% das mulheres com elevado ganho de peso gestacional permanecem, meses após o parto, com cerca de 8 a 10 kg acima do peso que tinham antes de engravidar.

– O excesso de ganho de peso gestacional também tem sido associado a um risco aumentado de hipertensão gestacional, pré-eclâmpsia e diabetes gestacional

– O excesso de ganho de peso gestacional aumenta o risco de obesidade infantil, diabetes e hipertensão nas crianças.

Fique atenta!

Imagem Companhia da Mama

 

Segue tabela de ganho de peso saudável

Imagem : MD Saúde

Fonte: MD Saúde

Sempre faça o pré-natal corretamente e siga as instruções de seu médico.

Queremos saber?

Quantos quilos engordaram na gravidez ? Comente

By Simone Araújo

Curta nossa página no facebook@acordeimae e nos siga no instagram@acordeimae_
Se inscreva no blog e receba por e-mail as novidades do mundo materno além de promoções e dicas acessehttp://www.acordeimae.com.br

Anúncios

Desenvolvimento do feto dentro útero

Animação mostra de forma rápida a gestação , lindo!

 

Imagem : Pregnancy Guide

 

By Simone Araújo

Curta nossa página no facebook @acordeimae e nos siga no instagram @acordeimae_
Se inscreva no blog e receba por e-mail as novidades do mundo materno além de promoções e dicas acesse http://www.acordeimae.com.br